Em entrevista ao Expresso na edição de 21.08.2020, António Costa admitiu que, ainda este ano, vai baixar o IVA da eletricidade. Depois de ter sido autorizado por Bruxelas e estar previsto no Orçamento de Estado, entende o Primeiro Ministro haver condições para avançar com esta medida.

Não foi revelado quanto baixa e para quem nem o peso da medida no Orçamento de Estado. Sabe-se apenas que a proposta do governo prevê a criação de escalões consoante o consumo.

Recorde-se que foram apresentadas duas propostas no Parlamento, uma do BE e outra do Chega, no sentido de baixar o IVA da eletricidade. As duas propostas foram chumbadas.

Esta medida é, no entender de António Costa, um benefício “transversal a todas as famílias”. Portugal é o país da Europa com a eletricidade mais cara e, no entender de alguns especialistas, não é por baixar o IVA que passamos a consumir mais eletricidade. Portugal é também dos países da Europa onde se morre mais por causa do frio porque a população não tem dinheiro para aquecer as casas. 

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *